Publicidade

Vacina contra Covid-19 será dada como presente de Natal no México e no Chile

  • em


Os governos do México e do Chile vão dar a vacina contra a Covid-19 como presente de Natal aos seus moradores. No país da América Central, o anúncio foi feito em rede nacional pelo subsecretário de Prevenção e Promoção de Saúde, Hugo López-Gatell Ramírez. A imunização começa nesta véspera de Natal, 24 de dezembro. O México foi o primeiro da América Latina a aprovar o uso emergencial da vacina da farmacêutica Pfizer, em parceria com a alemã BioNTech, no dia 11 de dezembro. No total, 34,4 milhões de doses serão distribuídas até 31 de janeiro. “A vacina será universal, gratuita e voluntária”, declarou o vice-ministro.

 

Já no Chile, o presidente Sebastián Piñera, anunciou a aplicação das primeiras 10 mil doses aos profissionais de saúde. “Estamos prontos e preparados para poder iniciar o processo de vacinação. Isso significa que a partir de amanhã o Chile começa seu processo de vacinação”, disse Piñera.

 

Ao menos seis países já saíram na frente e conseguiram comprar ou produzir a vacina contra o coronavírus. São eles: Reino Unido, Estados Unidos, Canadá, Israel, China e Rússia, que aprovaram as doses dos imunizantes para uso emergencial ou definitivo.

 

Que o Natal traga esperança, boas notícias e esperança por um futuro ainda melhor. Assim como sou otimista por dias melhores, leve contigo essa boa energia. Feliz Natal e até semana que vem com o resumo das melhores notícias de 2020.

 

Wyl Villas Bôas é jornalista e sempre otimista por dias melhores

 

 

 

 

  • Compartilhe