Publicidade

Urgente ampliar distanciamento social em Pelotas e região, recomendam comitês Covid-19

  • em


Os alertas são dos comitês da Universidade Federal de Pelotas Covid-19 e do Hospital Escola da UFPEL. Consideram “a iminência do colapso do sistema hospitalar e as dificuldades de expansão destes serviços em curto e médios prazos, seja pelas limitações estruturais, seja pela carência de médicos”. Para isto é necessário que a taxa de isolamento social alcance os 70%, por três semanas a partir desta segunda, 3 de agosto na cidade de Pelotas e região.

As projeções indicam, que quanto mais as medidas forem colocadas em ação no início da aceleração da curva epidêmica, menor a necessidade de leitos. Conforme as recomendações dos comitês. Pelotas, segundo a nota técnica, “observou nos últimos dias um expressivo aumento no número de casos confirmados da Covid-19, e no dia 31 de julho, ocupou quase a totalidade de seus leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Universidade Federal de Pelotas”.

A Secretaria Municipal de Saúde informa em balanço, 41 novos casos confirmados de pessoas infectadas, somente no domingo. Pelotas chega a 1.070 pessoas contaminadas.

  • Compartilhe