Publicidade

Unesco conclama governos a priorizarem professores na vacinação contra Covid-19

  • em


conclamando os governos e a comunidade internacional a considerar professores e funcionários da escola como grupo prioritário nos esforços de vacinação.

 

Nesta segunda-feira (14), a Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) conclamou os governos a priorizarem os professores no acesso às vacinas contra a covid-19, ao considerar que estes profissionais devem ser tratados como trabalhadores de “primeira linha”.

 

“Ao ver os avanços positivos em relação à vacinação, acreditamos que os docentes e o pessoal de apoio à educação devem ser considerados grupo prioritário”, disse a chefe da Unesco, Audrey Azoulay, em mensagem conjunta em vídeo com o diretor da organização de docentes da Internacional da Educação (IE), David Edwards.

 

A mensagem, divulgada no 60º aniversário da Convenção que Promove o Direito à Educação, elogia os professores pela dedicação durante todo o período de fechamento das escolas. “Quando escolas e instituições de ensino fecharam, professores e pessoal de apoio permaneceram na linha de frente. Eles reinventaram a forma como ensinamos, a forma como aprendemos. Eles apoiaram seus alunos – muitas vezes sem nenhum treinamento ou ferramentas adequadas. ”

 

Com informações da Unesco
  • Compartilhe