Publicidade

TVCOMDF | Campanha da Legalidade criada para garantir a posse do presidente João Goulart (vídeo)

  • em



Na edição de 1º de agosto, o Brasília Notícias contou um pouco da história do Brasil, em 1961, quando Jânio Quadros renuncia à Presidência do Brasil e o vice-presidente João Goulart (Jango) se torna o sucessor natural ao cargo.

 

 

Não época, setores da sociedade brasileira, liderados pelos militares, clamavam pelo impedimento da posse de Jango, temerosos de suas posições de esquerda. Liderada por Leonel Brizola, a Campanha pela Legalidade foi criado para garantir a posse do vice-presidente, colocando grande parte do Rio Grande do Sul contra o núcleo do Exército.

 

 

Em 1961, a Rede da Legalidade derrotou os militares, que se armaram para o golpe de 1964. Hoje, os mesmos setores neocolonialistas e fascistas que ainda permanecem vivos, muitas vezes impunes pelos crimes bárbaros que cometeram durante os 21 anos de ditadura militar, voltam a subverter a democracia.

 

 

 

A democracia brasileira, construída após a sangrenta e entreguista ditadura militar, volta a ser ameaçada pelo presidente Jair Bolsonaro, do PL, partido que compõe o chamado centrão, no Congresso Nacional. Bolsonaro representa esses setores que destruíram a soberania do Brasil em apenas 5 anos, após o golpe de Estado aplicado contra a presidente Dilma Rousseff (PT), em 2016.  Diante dessa situação, outros setores da sociedade reivindicam uma nova Rede da Legalidade e avisam que é urgente e necessária essa formação para derrotar o novo golpe em curso liderado por Bolsonaro.

 

 

 

Nesta edição do Brasília Notícias, o programa conta com a presença especial dos jornalistas Paulo Miranda, Ivan Proença e Beto Almeida, e de Fernando Mauro Trezza, presidente da TVComBrasil. Eles conversam sobre a necessidade de uma Rede da Legalidade de TVs e Rádios para defender a legalidade das eleições de 2022.

 

 

Confira no vídeo a seguir.

 




SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB

 

Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *