Publicidade

Tecnologias Sociais e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

  • em


Estamos iniciando o ano de 2021 com muita disposição de darmos sequência à série de artigos que aborda o tema das Tecnologias Sociais.

 

Nos primeiros textos foram abordados aspectos conceituais e podem ser acessados nos seguintes endereços: Tecnologias Sociais como proposta para uma nova sociedade.docx; Origens e construção do conceito.docx; Reflexões iniciais – 1ª parte.docx; Reflexões iniciais – 2ª parte.docx e A importância das Instituições de Ensino Superior – IES.docx.

 

O desafio que está sendo proposto para este ano de 2021 é o de conectar os ODS – Objetivos de Desenvolvimento Sustentável com as TS – Tecnologias Sociais.

 

Os ODS e suas respectivas metas foram estabelecidos pelos países membros das Nações Unidas e estão inseridos na Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

 

Esta política global envolve diferentes níveis de governo, organizações, empresas e a sociedade e tem como objetivo o desenvolvimento mundial e a melhoria da qualidade de vida de todas as pessoas.

 

A agenda está alicerçada em cinco áreas de importância (ou chamados 5 Ps): Pessoas – erradicar a pobreza e a fome de todas as maneiras e garantir a dignidade e a igualdade; Prosperidade – garantir vidas prósperas e plenas, em harmonia com a natureza; Paz – promover sociedades pacíficas, justas e inclusivas; Parcerias – implementar a agenda por meio de uma parceria global sólida e Planeta – proteger os recursos naturais e o clima do nosso planeta para as gerações futuras.

 

Não temos como negar a complementariedade existente entre o que está proposto pelos ODS com os princípios, conceitos e temas desenvolvidos pelas TS.

 

As TS são concebidas e implementadas com a premissa de criar, desenvolver, implementar e administrar tecnologias orientadas a resolver problemas sociais e ambientais e geram dinâmicas sociais e econômicas de inclusão social e de desenvolvimento sustentável.

 

Pois é a partir destas duas lentes que serão apresentados ao longo do ano uma série de exemplos práticos para demonstrar a conexão entre as estratégias.

 

Nossa expectativa é que gestores públicos, governos nas três esferas, entidades que realizam investimento social privado e demais interessados, possam identificar com isto projetos e estratégias para desenvolverem as suas ações.

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *