Publicidade

Tecendo o Amanhã analisa o noticiário sobre a República de Lugansk

  • em



No programa Tecendo o Amanhã, desta segunda-feira (16), o jornalista Beto Almeida, o ativista Francisco Soriano e o jornalista César Fonseca entrevistam o jornalista Eduardo Vasco, diretor da TV Causa Operária, e analisam o noticiário sobre a República de Lugansk. Na opinião do jornalista César Fonseca, o programa destaca a “ressurreição dos soviets na guerra da Ucrânia”. Em sua página no Facebook, ele diz que se trata de outro momento mundial pelo jornalismo de libertação.

 

“Tive a alegria de participar da entrevista do repórter Eduardo Vasco, da TV Causa Operária para a TV Comunitária, diretamente, de Luganski, no palco da guerra da Ucrânia, financiada pelos Estados Unidos e Otan, objetivando mudança de regime na Rússia; só não aconteceu porque Putin promoveu operação de guerra preventiva para evitar massacre dos nazistas ucranianos no Donbass, onde, desde 2014, mais de 14 mil pessoas foram massacradas; a primeira providência tomada pela população de Luganski foi recriar os soviets com comitês populares, para enfrentar as emergências; tal providência é a iniciativa política que tende a se disseminar na região com as vitórias da resistência, apoiadas pela Rússia; isso significa um novo momento na luta de classes internacional; o capitalismo americano promove o massacre mas encontra pela frente a resistência popular, que, diante de todas as dificuldades, encontra alternativa para sobreviver e seguir na luta pela independencia e soberania diante do imperialismo”, a firma Fonseca.

 

Confira a entrevista a seguir. O programa vai ao ar ao vivo, às 17 horas, nas redes sociais da TV Com Rio.




O programa Tecendo o Amanhã, da TV Comunitária do Rio de Janeiro, é transmitido ao vivo, produzido e veiculado pela TV Comunitária de Brasília (canal 8 da NET-DF) e do Rio de Janeiro (canal 6 da NET-RIO), com retransmissão pelas TVs Comunitárias de Belo Horizonte, Recife, Curitiba, Florianópolis, Ourinhos (SP), Resistência Contemporânea, de Tocantins, a rádio Manawa, de Porto Alegre. A rádio Manawa pode ser sintonizada pela Internet em manawa.com.br.

 

O programa é apresentado pelos jornalistas Moysés Corrêa, da TVC Rio; Beto Almeida, diretor da Telesur e editor do programa Latitud BrasilTVCom BrasíliaJornal Brasil Popular; César Fonseca, editor do site Independência Sul Americana; e Francisco Soriano, diretor da TV Com do Rio.

 

Importante lembrar, ainda, que o nome do programa é uma homenagem ao grande poeta brasileiro pernambucano João Cabral de Melo Neto, que escreveu um poema cujo título é parecido com o nome do programa: “Tecendo a Manhã”. “Nesse poema ele diz que um galo sozinho não faz o canto ser escutado. É mais ou menos por aí a imagem de que, para nós, nos serve como uma alma para defender a favor da cultura, da vida, do Brasil, da soberania e de uma relação inteligente e harmoniosa com a natureza”, afirma o jornalista Beto Almeida sobre a homenagem. Confira o poema:

 

Tecendo a Manhã

1.
Um galo sozinho não tece uma manhã:
ele precisará sempre de outros galos.
De um que apanhe esse grito que ele
e o lance a outro; de um outro galo
que apanhe o grito que um galo antes
e o lance a outro; e de outros galos
que com muitos outros galos se cruzem
os fios de sol de seus gritos de galo,
para que a manhã, desde uma teia tênue,
se vá tecendo, entre todos os galos.

2.
E se encorpando em tela, entre todos,
se erguendo tenda, onde entrem todos,
se entretendendo para todos, no toldo
(a manhã) que plana livre de armação.
A manhã, toldo de um tecido tão aéreo
que, tecido, se eleva por si: luz balão.

 

Publicado no livro A educação pela pedra (1966).

 

 

In: MELO NETO, João Cabral de. Obra completa: volume único. Org. Marly de Oliveira. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1994. p.345. (Biblioteca luso-brasileira. Série brasileira. Reproduzido do site Escritas.Org: https://www.escritas.org/pt/t/11508/tecendo-a-manha

.#tecendooamanhã #domheldercâmara #tvcrio #tvcomdf




SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB

 

Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *