Publicidade

Tecendo o Amanhã: “A Covid e a crise de Bolsonaro”

  • em



Nesta edição do Tecendo o Amanhã, os jornalistas Moysés Corrêa, Beto Almeida e César Fonseca debatem a situação política do Brasil, em particular, o tema da pandemia do novo coronavírus.

 

 

Há 15 meses o Brasil está imerso numa crise sanitária descontrolada pela falta completa de ação propositiva do governo Jair Bolsonaro (ex-PSL). Na primeira quinzena de junho, quando o País ultrapassou meio milhão de mortes desnecessárias e evitáveis por Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus, o Tecendo o Amanhã realizou uma profunda análise da situação.

 

O que aconteceu com Brasil? Como e por que a Covid-19 é usada para enriquecer alguns privilegiados ligados ao Poder Executivo? “Estamos seguindo firmes para alcançar números estratosféricos, terríveis, números proibitivos e, em sã consciência, é difícil a gente admitir que isto esteja acontecendo”, desabafa Moysés.

 

 

Na edição, eles comentam a crise de Bolsonaro. “Se fala até que setores militares, setores conservadores de direita, já estão sentindo que será inevitável apear do poder o presidente Jair Bolsonaro antes que nós cheguemos a 1 milhão de mortos e ainda não é um número estratosférico. Quando iniciamos o Tecendo o Amanhã com o nome Linha Direta, em março de 2020, eu ficava cabisbaixo ao analisar as previsões da Universidade Johns Hopkins, que fazia projeções e dizia 80 mil, 200 mil mortos. A gente achava inalcançável, inadmissível, impossível”, afirma.

Para ver e ouvir o debate sobre o tema, acesse o link do canal YouTube da TV Comunitária do Rio, a seguir, e assista.

O Tecendo o Amanhã é transmitido ao vivo. O programa é uma parceria entre os canais comunitários do Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba, Belo Horizonte, Recife e a rádio Manawa, a voz da resistência. A rádio Manawa é pode ser sintonizada pela Internet em manawa.com.br. O Tecendo o Amanhã é apresentado pelos jornalistas Moysés Corrêa, da TVC Rio,  Beto Almeida, diretor da Telesur e editor do programa Latitud Brasil, TVCom Brasília e Jornal Brasil Popular, e César Fonseca, editor do site Independência Sul Americana.

 

 

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *