Publicidade

Putin lembra que havia agentes da CIA dentro do governo russo após a queda da URSS e como ele os purgou “todos”

  • em



Não é a primeira vez que o presidente russo se lembra da interferência dos Estados Unidos nos assuntos internos do país durante esse período turbulento

 

 

Na década de 1990, o governo da Rússia pós-soviética foi atormentado por agentes da CIA que eventualmente tiveram que ser removidos e enviados de volta para os Estados Unidos, lembrou o presidente russo Vladimir Putin.

 

 

Durante uma reunião do Conselho para a Sociedade Civil e os Direitos Humanos, Putin deu esta semana o exemplo de agentes dos EUA dentro do governo russo para demonstrar como países estrangeiros tentam interferir nos assuntos internos do país.

 

 

“No início dos anos 2000 eu já purgava todos,mas em meados da década de 1990 tínhamos como conselheiros e funcionários oficiais do Governo […], como foi mais tarde destacado, membros do pessoal da CIA”,disse o presidente.

 

 

O líder russo disse que essas pessoas foram até processadas nos EUA porque, como funcionários da CIA, participaram da privatização na Rússia,o que é contrário à lei dos EUA.

 

 

De acordo com Putin, alguns especialistas americanos estavam presentes em instalações de armas nucleares russas e até tinham a bandeira americana em suas mesas.

 

 

“Eles viviam e trabalhavam lá. Eles não precisavam de instrumentos tão sutis de interferência em nossa vida política porque controlavam tudode qualquer maneira”, ressaltou.

 

 

Não é a primeira vez que Putin menciona a interferência de Washington nos assuntos internos de seu país, em particular imediatamente após a desintegração da URSS, durante a era de Boris Yeltsin (1991-99). Em 2013, ele afirmou que agentes da CIA trabalharam na comitiva de Anatoli Chubais, o ex-vice-primeiro-ministro que supervisionou processos de privatização no país durante a transição traumática para o capitalismo.

 

 



 

 

SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB

 

Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *