Publicidade

Psol aciona Justiça contra prefeito de Porto Alegre por aquisição de “kit Covid”

  • em


Os parlamentares do Psol em Porto Alegre apresentaram uma ação judicial na última terça-feira (12) contra o prefeito da cidade, Sebastião Melo (MDB), por causa da aquisição do “kit Covid”, um conjunto de remédios que incluem a hidroxicloroquina e a ivermectina, que não têm eficácia comprovada contra o coronavírus, segundo a Organização Mundial da Saúde.

 

Assinam a ação os vereadores de Porto Alegre Pedro Ruas, Matheus Gomes, Karen Santos e Roberto Robaina, além do ex-vereador Alex Fraga, a deputada estadual Luciana Genro, e a deputada federal e candidata à prefeitura de Porto Alegre em 2020, Fernanda Melchionna, todos do Psol .

 

Na tarde da última segunda-feira (11), a bancada do Psol na Câmara Municipal de Porto Alegre se reuniu com o prefeito e o tema foi abordado. No entanto, o prefeito deu respostas genéricas em relação ao assunto.

 

“Estamos vendo o governo federal e o ministério da Saúde fazendo pressão para que os municípios utilizem a hidroxicloroquina e a ivermectina”, disse Roberto Robaina, um dos vereadores signatários da ação. Também reforçou que a preocupação central, agora, é com a vacina.

 

Com informações do site do Psol (www.psol50.org.br)
  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *