Publicidade

Parlamento Europeu responsabiliza governo Bolsonaro por aumento da violência na Amazônia e pelas mortes de Bruno e Dom

  • em



Resolução foi aprovada por 362 votos a favor, 16 contra e 200 abstenções

 

O Parlamento Europeu aprovou nesta quinta-feira (7) uma resolução condenando os assassinatos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista Dom Phillips na região do Vale do Javari, na Amazônia. A resolução foi aprovada por 362 votos a favor, 16 contra e 200 abstenções.

 

Em nota, os eurodeputados cobraram que o caso seja investigado de forma “exaustiva, imparcial e independente” e citaram nominalmente Jair Bolsonaro (PL pelo aumento da violência, ataques e assédio contra defensores dos direitos humanos e ambientais, povos indígenas, minorias e jornalistas.

 

 

“Os eurodeputados condenam veementemente o brutal assassinato de defensores do ambiente e dos direitos humanos, bem como de indígenas no Brasil, mais recentemente o assassinato do jornalista britânico Dom Phillips e do ativista brasileiro Bruno Pereira. Eles pedem às autoridades brasileiras que conduzam uma investigação exaustiva, imparcial e independente sobre esses assassinatos e garantam que eles cumpram integralmente o devido processo em todos os momentos”, diz um trecho da nota publicada pelo Parlamento Europeu, segundo o G1.

 

De acordo com a coluna do jornalista Jamil Chade, do UOL, a vice-presidente da Delegação do Parlamento Europeu ao Brasil e negociadora dos Verdes para a resolução, deputada Anna Cavazzini, afirmou que a moção responsabiliza diretamente o governo Jair Bolsonaro pelo aumento da violência e do desmatamento da Amazônia.

 

“É um sinal forte de que o Parlamento Europeu condena claramente os assassinatos cada vez mais frequentes de indígenas e defensores do ambiente no Brasil e identifica claramente a responsabilidade do governo Bolsonaro na crescente violência contra os povos indígenas, bem como as crescentes taxas de desmatamento a ela associadas”, disse  Anna Cavazzini.

 

A resolução aprovada não prevê punições, mas amplia o desgaste das relações entre a União Europeia e o Brasil.

 




SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB

 

Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *