Segundo a Secretaria de Saúde, trata-se de uma mulher de 66 anos. A paciente está internada em um hospital da rede pública

 

Com o registro de 1.320 novas mortes por Covid-19, nesta terça-feira (27), o Brasil ultrapassa as 551 mortes em 1 ano e 4 meses. Lembrando que os números são subnotificados, os dados apontam para o fato de que a média móvel de vítimas, que elimina distorções entre dias úteis e fim de semana, segue com tendência de queda e agora é de 1.086, valor que fica abaixo de 1.100 pela primeira vez desde o dia 22 de fevereiro. O número de novas infecções registradas, nesta terça, é de 42.256, elevando o número de diagnósticos positivos de Covid-19 para 19.748.960. Ao todo, o Brasil contabiliza 551.906 mortes pela doença.

 

 

No Distrito Federal, a Secretaria de Estado de Saúde confirmou, nesta terça-feira (27/7), o primeiro caso de reinfecção pela variante indiana Delta da covid-19. A Diretoria de Vigilância Epidemiológica informou que uma mulher de 66 anos, residente no Cruzeiro, está internada em uma unidade hospitalar da rede pública de saúde. Uma investigação epidemiológica será feita para apurar se ela já havia sido vacinada.

 

 

Ainda segundo SES-DF, a paciente encontra-se sob os cuidados da equipe médica e isolada de contato com outros pacientes. Um sequenciamento genômico realizado pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-DF) confirmou a reinfecção pela nova cepa. Ela foi infectada pela primeira vez em abril, pela Gama — variante P1, identificada pela primeira vez em Manaus.

 

Este é o segundo caso de reinfecção por variante confirmado no DF. O primeiro foi registrado em abril deste ano, em um homem de 33 anos. A primeira infecção do paciente foi em março, pela variante P1. Um mês depois, ele foi infectado pela B.1.1.28, inglesa.

 

Delta 

 

Segundo o Governo do Distrito Federal (GDF), já foram identificados, até esta terça (27), 45 casos de infecção pela variante Delta na capital federal. O caso mais gritante foi o que ocorreu no Hospital de Apoio de Brasília (HAB), que atende a pacientes com câncer. O surto de Covid-19 registrado nesta semana na unidade hospitalar atingiu 26 servidores, que enfrentam surto da doença, e 10 pacientes, com registro de três mortes por Covid-19 entre os pacientes.

 

Representantes da SES-DF acreditam que o contágio local resultou do contato de parentes dos pacientes com outras pessoas. Nesta terça, o Distrito Federal registrou 582 novos casos de covid-19 e 12 mortes. Com as ocorrências, a capital acumula 447.354 infecções pela doença e 9.578 óbitos, desde o começo da pandemia. Os dados são do boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde do DF.