Publicidade

ONG busca alimentar pessoas em situação de rua durante a pandemia

  • em


“A fome não espera” e “Quem tem fome, tem pressa” dizem os ditados que, na atual situação, não poderiam ser mais verdadeiros. Durante a pandemia essa tem sido a espera de muitas pessoas que estão em situação de vulnerabilidade. Segundo pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, em setembro de 2020, 10,3 milhões de brasileiros passavam fome ou não tinham o acesso garantido à alimentação durante o levantamento.

 

 

O Projeto Dividir nasceu da necessidade de trazer apoio para os segmentos mais vulneráveis da população durante a pandemia. Desde março de 2020, o projeto tem proporcionado uma refeição diária para o maior número possível de pessoas em situação de rua no Distrito Federal. Em 1 ano, já foram entregues 15.400 marmitas, e mais de três mil cestas solidárias de alimentos orgânicos produzidos pelos Movimento dos Sem Terra – MST, distribuídas para famílias em vulnerabilidade. Foram doados também roupas, itens de higiene e de necessidades básicas. Em julho de 2020, o Projeto se transformou em Organização não governamental – ONG, com o intuito de assistir mais pessoas e ter mais transparência em suas atividades.

 

 

Para manter a execução do projeto, a Dividir recebe o apoio financeiro principalmente de doadores individuais e também doações de roupas, brinquedos e acessórios. Além disso, foram estabelecidas parcerias com voluntários que se disponibilizam a cozinhar, diariamente, o alimento que será entregue, e que são fundamentais para a continuidade do amparo alimentar que tem sido feito pela ONG.

 

 

Embora atue em diversas frentes, uma das principais prioridades da ONG, é a produção de marmitas a partir da entrega dos insumos aos voluntários responsáveis e distribuídas de segunda a sexta-feira pela equipe da Dividir. Além disso, a Dividir busca conseguir estruturar uma cozinha social, para produção dos alimentos.

 

 

O entendimento geral é que, diante do cenário atual, de calamidade sanitária pública decorrente da pandemia de covid- 19, é mais do que necessário continuar os esforços para a manutenção das ações. Com isto em mente, e com a ideia de “Somar para dividir”, a ONG busca parcerias e doações financeiras para conseguir manter o trabalho que tem feito até aqui.

 

 

Serviço:

Doações financeiras:

https://www.catarse.me/projetodividir

 

 

Instagram da ONG:

https://www.instagram.com/projetodividir/

 

 

Contato parcerias e mais informações:

Sofia Anouk: +55 61 9 8664-9417

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *