Publicidade

Novo Reitor da UFRGS toma posse sob protestos dos estudantes

  • em


Foto de Alina Souza/Correio do Povo

 

Tomou posse nesta segunda-feira, 21, por meio de ato administrativo, o novo reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Durante a cerimônia, centenas de estudantes se manifestavam próximo à Reitoria, contrários à intervenção. Carlos Bulhões foi o menos votado da lista tríplice, mas acabou sendo o indicado pelo presidente Jair Bolsonaro. Os estudantes começaram o ato em frente à Faculdade de Educação e depois seguiram em caminhada até a sede da Reitoria. Todos portavam máscaras.

 

A informação de que o reitor seria empossado nesta segunda-feira não foi confirmada pela Reitoria. Mas a ação foi realizada de forma silenciosa, num formato realizado em gabinete. O site da UFRGS confirmou a informação, à tarde, por meio de nota: “Na manhã desta segunda-feira, 21 de setembro, o professor Carlos André Bulhões foi empossado no cargo de reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) de 2020 a 2024. entre as primeiras providências estão os atos normativos necessários para que a Universidade siga suas rotinas de forma tranquila, com toda responsabilidade e excelência que caracterizam a instituição. O termo de posse da nova vice-reitora, professora Patrícia Pranke será efetivado no dia 29 de setembro, conforme orientação do Ministério da Educação”.

 

“Muito diálogo e algumas modificações estratégicas na estrutura organizacional” são algumas das palavras do reitor para sua nova gestão. Carlos Bulhões é engenheiro-civil formado pela UFRGS. Nas próximas semanas, os estudantes por meio de Diretórios Acadêmicos, e Diretório Central dos Estudantes vão se reunir para definir os próximos passos das mobilizações. Novo reitor da UFRGS tomou posse em gabinete, nesta segunda-feira. Protestos dos estudantes foram realizados desde a Faculdade de Educação até à Reitoria da Universidade.

  • Compartilhe