Publicidade

Mulheres se unem em atos pelo Brasil em defesa da democracia

  • em



Para demonstrar que a democracia e o resultado das urnas eletrônicas deverão ser respeitados, as mulheres saíram às ruas neste sábado (13), contra os ataques do presidente Jair Bolsonaro (PL) às eleições

 

 

Em várias cidades do país, as mulheres saíram às ruas na manhã deste sábado (13), em defesa da democracia, assim como vendo sendo feito por mais de um milhão de pessoas que assinaram a carta dirigida aos brasileiros e brasileiras, da faculdade de Direito da USP e, outro documento da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, assinado também por entidades como a CUT e demais centrais sindicais.

 

 

A mobilização é organizada pelos movimentos de mulheres da CUT, das demais centrais sindicais, de partidos políticos e de diversos movimentos sociais e feministas como a Marcha Mundial das Mulheres (MMM), o Movimento dos Trabalhadores e Trabalhadoras sem Terra (MST), Levante Popular da Juventude, entre outros.

 

 

Além da defesa da democracia, as mulheres também lutam pelo fortalecimento da luta contra a fome, a miséria, a reforma Trabalhista e contra a violência contra a mulher.

 

 

Confira como foram os atos pela manhã, em alguns locais.

 

 

Em São Paulo, as mulheres se reuniram na manhã deste sábado (13), na Praça do Patriarca, no centro da cidade e depois fazem caminhada até o Teatro Municipal, na Praça Ramos  onde se encontrarão com as demais participantes do ato.

 

ROBERTO PARIZOTTI (SAPÃO)

 

ROBERTO PARIZOTTI (SAPÃO)

 

 

Roberto Parizotti (Sapão)
Roberto Parizotti (Sapão)

 

A presidenta interina da CUT-SP Telma Victor declarou que o ato das Mulheres lembrou que a conjuntura política atual prejudica as mulheres, principalmente, no mercado de trabalho e criticou a falta de oportunidades.

 

 

“Estamos nas ruas em defesa da democracia. Vivemos um momento de ataques aos direitos que impactam principalmente as mulheres. Mas temos certeza que esse cenário vai mudar com as eleições em outubro”, afirmou a presidenta da CUT-SP.

 

https://fb.watch/eTIZwIdzZU/

 

 

A secretária da Mulher Trabalhadora da CUT-SP, Márcia Viana, afirmou que “ não queremos mais esse governo. Bolsonaro tem que sair e a democracia prevalecer no Brasil”.

 

 

No Recife, Pernambuco, as mulheres que compõem partidos políticos, centrais sindicais e os movimentos feministas e socias populares foram para as ruas do centro da cidade, desde às nove da manhã e seguiram em caminhada pela democracia, contra a fome, contra o desemprego, contra o machismo, contra o racismo, contra a LGBTIfobia e contra toda a política de morte e de violência do (des)governo Bolsonaro.

 

Giovanna Revoredo
Foto: Giovanna Revoredo

 

Giovanna Revoredo
Foto: Giovanna Revoredo

 

Em Florianópolis, Santa Catarina, a defesa da democracia contou com o grupo “Baque Mulher”, que saiu às ruas do centro cantando e dançando. Ainda no estado, na região oeste, na cidade de Quilombo mulheres camponesas do MMC Brasil deixaram sua marca de resistência e esperança e se uniram para dar o recado: chega de violência, pela democracia, pela vida povo, por #BolsonaroNuncaMais.

 

Foto: Priscila Baade

 

No Rio Grande do Sul, uma ciranda das mulheres pela democracia e contra a violência,  foi realizada junto aos Arcos da Redenção, na capital do estado, Porto Alegre.

 

CUT-RS
CUT-RS
Carolina Lima
Foto: Carolina Lima

 

Em Goiânia, Goiás, as mulheres se reuniram na Praça do Botafogo ,no setor universitário, e depois saíram em passeata

 

 

Gabriella Braga
Foto: Gabriella Braga

 

Em Macapá (Amapá), não apenas as mulheres, mas homens trambém se reuniram no sindicato dos bancários para apoiar a democracia e o resultado das urnas nas próximas eleições.

 

Neuza Castro
Foto: Neuza Castro

 

 

Confira os demais atos organizados pelo Brasil

 

 

REGIÃO NORTE

AC – cidade: Rio Branco – Praça da Revolução, Centro, às 17 horas.

AM – cidade: Manaus; horário: 9h00; local: Praça da Matriz

AP – cidade: Macapá; horário: 9H00; local: concentração no SEEB – Sindicato dos Bancários, na São José, esquina com a Mendonça Júnior, no Centro de Macapá

PA – Cidade nova 8 we 26 n 222 – Ananindeua, às 15 horas

RO – Caravanas em Cerejeiras, às 10 horas

RR – Alvorada Mulheres Juntas pelo Brasil, às 00 horas

TO – Feira coberta do Aureny 1- Palmas, às 17 horas

 

 

REGIÃO NORDESTE

AL – cidade: Maceió; PANFLETAGEM – 8h00 – NA FEIRA LIVRE DA CIDADE; 9h30 – EM FRENTE AO ANTIGO PRODUBAM

BA –  Panfletagem, adesivaço e bandeiraço- Sussuarana, às 10 horas.

Panfletagem, adesivaço, bandeiraço- São Marcos, às 10 horas .

Agitação na Rótula da Feirinha- Cajazeiras, às 10 horas.

CE – cidade: Fortaleza; Horário: 15H00; Local: concentração no Espigão Rui Barbosa – chegada: Largo da Micharia, Praia de Iracema; Lançamento do Comitê Popular de Luta das Mulheres, às 15 horas – Fortaleza.

MA – cidade: São Luís – horário: 8H – Local: Concentração na Praça Deodoro, Em Frente à Biblioteca Benedito Leite

PI – cidade: Teresina – horário: 8H00 – local: Ato na Praça Rio Branco

PB – cidade: João Pessoa – Horário: das 9h às 11h Ato Político Cultural – Panfletagem  no Ponto de Cem Réis;  Ciranda Popular com Artistas Locais

RN – Cidade: Natal; horário: 9h30   local: concentração Calçadão da AV João Pessoa –  (participam da manifestação, todas as regiões do Estado).

SE – Praça dos Mercados- Aracaju, às 8 horas

 

 

REGIÃO CENTRO-OESTE

BSB – cidade: horário: 15h00; local: gramado da Rodoviária, sentido Torre de TV

MT – cidade: Cuiabá; horário: 8H00; local: concentração na Praça da Mandioca

MS – cidade: Campo Grande, às 9h; local: na Praça das Araras, dialogando com as mulheres sobre o Brasil que queremos.

 

 

REGIÃO SUDESTE

ES – Praça de Laranjeiras – Serra, às 09 horas.

MG – Ato na praça 1º de maio- Ipatinga, às 09 horas .

RJ – Largo da Prainha – Rio de Janeiro, às 13h13

 

 

REGIÃO SUL

PR – 10H Concentração na Rua XV com Monsenhor; 13H – caminhada Lilás

Blumenau (SC) horário: 10h00; local: Pracinha da Igreja Matriz

Palhoça (SC) Horário: 10h00; local: Praça 7 de setembro

 




SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB

 

Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *