Publicidade

RS – Mulheres poderão denunciar violência em farmácias na campanha Máscara Roxa

  • em


Os índices de violência contra as mulheres aumentaram desde o início do distanciamento social, a partir da eclosão da pandemia do coronavírus no Rio Grande do Sul. No mês de abril houve um crescimento de 66,7% nos feminicídios no estado, em relação ao mesmo período no ano passado, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública.

 

Para ajudar neste enfrentamento foi lançada nesta quarta, 10 de junho, a Campanha Máscara Roxa. Mulheres, vítimas de violência doméstica poderão denunciar casos de agressões, com toda discrição, em farmácias. A mulher deve pedir a máscara roxa ao chegar no estabelecimento. Esta será a senha para que o atendente identifique que se trata de um pedido de ajuda. O profissional dirá que o produto está em falta, e que pegará alguns dados para avisá-la, assim que chegar ao local. As informações serão passadas à Polícia Civil, em seguida, por Whatsapp para que sejam tomadas providências. Estes profissionais estão recebendo capacitação online para o procedimento e para garantir a segurança da vítima. As farmácias terão um selo “Farmácia, Amiga das Mulheres.

 

A iniciativa é do Comitê Gaúcho Impulsor Eles por Elas/He for She, ligado à ONU Mulheres. Com apoio de órgãos da segurança e do Judiciário. “Mesmo nos lugares onde a restrição é mais alta, farmácias continuarão abertas. Outros países adotaram estratégias parecidas, por indicação da ONU, e aqui escolhemos a máscara roxa que simboliza a nossa luta. O prazo inicial da campanha é de seis meses, mas pode ser extinta antes ou até prorrogada”, explica a coordenadora-executiva do Comitê Gaúcho Impulsor Eles por Elas/He for She, Karen Lose.

 

A delegada titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Porto Alegre explica que o Whatsapp foi escolhido porque é um canal disponível para todo o Estado, silencioso. “Basta que o farmacêutico digite os dados da vítima, adotando o código “máscara roxa”, que faremos todo o processo de busca ativa, independente do município”, reforça.

 

A parceria foi firmada somente com a rede Farmácias Associadas. Os selos chegaram na terça-feira, dia 9, à central da empresa, em Porto Alegre e deverão ser distribuídos às unidades que aceitarem aderir a partir desta sexta-feira, dia 12. A coordenação geral do Comitê Gaúcho Impulsor Eles por Elas/He for She é do deputado estadual Edegar Pretto (PT).

 

Já houve adesão de 600 farmácias em 251 municípios. Mais farmácias podem participar da campanha. Os interessados podem entrar em contato no fone 51 9 9199.3641

 

Foto – Campanha Máscara Roxa lançada nesta quarta, 10 de junho

Crédito – Comitê Gaúcho Impulsor Eles por Elas/He for She – Divulgação

 

 

 

  • Compartilhe