Publicidade

MST denuncia que no massacre de Guapoy as vítimas são Guarani e Kaiowá

  • em



Em nota, MST exige que sejam punidos todos os mandantes e executores do massacre de Guapoy

 

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) repudia o massacre de Guapoy, município de Amambai, no estado do Mato Grosso do Sul, ocorrido no dia 24 de junho.

 

 

O Estado do Mato do Grosso do Sul é cenário de contínuos massacres. Foto: Comunicação APIB
O Estado do Mato do Grosso do Sul é cenário de contínuos massacres. Foto: Comunicação APIB

Na manhã, militares e fazendeiros sem ordem de despejo, invadiram a área disparando contra mulheres, idosos, crianças, jovens e homens indígenas, com o objetivo de aterrorizar e atirar sem dó nem piedade. Até o momento foram confirmadas a morte de dois indígenas, e esse número pode subir a qualquer momento, pois existem mais de 15 feridos, hospitalizados e dezenas de desaparecidos.

 

Além de tiros com balas de borracha e balas de verdade, efetuados desde um helicóptero que sobrevoava Guapoy, os vídeos atestam esse ato ilegal. Os indígenas estão sendo ameaçados sem poder sair da região, com medo de estar dentro dos hospitais.

 

O território Guapoy planta grãos de soja/milho. Esse território já havia sido retomado anteriormente após a morte do jovem indígena Alex em Jopara, no município de Coronel Sapucaia. Em reposta os indígenas retomam suas terras. A área do Guapoy sofreu reintegração de posse por parte da PM e foi retomada novamente na tarde do dia 23 de junho, pelos indígenas que moram na aldeia Amambay. O município possui a 2° maior reserva do estado do Mato Grosso do Sul, com cerca de 10 mil indígenas.

 

O estado do Mato do Grosso do Sul é cenário de contínuos massacres. Em 2016 comoveu o mundo o Massacre de Caarapó, com assassinato do agente de saúde Clodiodi. E tantos outros assassinatos, por balas de verdade, atropelamentos em rodovias, fome, doenças e etc.

 

E agora, mais sangue indígena é derramado no sul do estado, por ruralistas e pela polícia militar, seguidores de voz maiores dos altos escalões dos poderes de decisão. Até quando? A troco de que? Os sangues indígenas derramados a troco de mais lucros, mais dinheiro para algumas empresas transnacionais do agronegócio. Mais dinheiro para os bancos, mais dinheiro para os fazendeiros. Nas terras do Guapoy sobram sangue, lágrimas, dores, desnutrição e muita disposição para continuar a luta pela terra.

 

É necessária a construção de uma campanha internacional nos órgãos de Direitos Humanos de denúncia e apuração de todos os assassinatos de indígenas. É fundamental que sejam punidos todos os mandantes que estão dentro do Governo do Estado. Aqueles homens que deram a voz de comando do Massacre de Guapoy precisam ser responsabilizados com urgência.

 

Exigimos que as autoridades se mobilizam e tomam atitudes para resolver os conflitos pela terra.

 

 

Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra

 

Mato Grosso do Sul, 25 de junho de 2022




SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB

 

Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com