Publicidade

Medidas mais rígidas no RS para conter avanço do coronavírus

  • em


As medidas foram apresentadas pelo governador Eduardo Leite para representantes da Federação das Associações dos Municípios do estado (FAMURS), nesta segunda-feira, 30 de novembro. As novas regras fazem parte do modelo de distanciamento controlado para conter o avanço da Covid-19 no Rio Grande do Sul. Dezenove regiões gaúchas estão com bandeira vermelha, com alto risco de contaminações.

 

Para conter a aglomeração de pessoas, estão suspensas as festas e eventos de fim de ano, de prefeituras ou de estabelecimentos privados, inclusive em condomínios.  Estão proibidas também festas de casamento, formaturas. As regras restringem as reuniões privadas e encontros com familiares. Com limite máximo de até 10 pessoas, excluídas as crianças de até 14 anos. O comércio poderá funcionar até às 20h, bares, lancherias e restaurantes até às 22h, sem restrições de dias. Nos restaurantes, os clientes poderão permanecer sentados, com distanciamento de dois metros entre mesas para grupos de até seis pessoas, sem música ao vivo. Estão vedados shows, espetáculos, drive-in, parques de aventura e zoológicos (atividades com bebida e alimentação), teatros, e cinemas.

 

Estão proibidas aglomerações em ruas, praias, praças, parques. Está permitida apenas a circulação e a prática de atividades físicas. Estão vedados o uso de áreas comuns em condomínios e clubes (brinquedos, salões de festa, piscinas, churrasqueiras compartilhadas e quadras). Foram alteradas também as regras da bandeira vermelha. Com a suspensão temporária da cogestão em parceria com os prefeitos. As medidas serão fiscalizadas pela Brigada Militar, a criação de um canal específico para denúncias, no número 150 e formulário eletrônico Vigilância do Cidadão:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdMOMbW3wyHbGrcNcgiBWZDWfkag7v9d-JOKXWaL3EZj6DncA/viewform

 

Segundo balanço da Secretaria Estadual da Saúde, estão confirmados 322.058 de casos de coronavírus no Rio Grande do Sul e 6.813 mortes.

 

Reunião de Leite com integrantes da FAMURS, na segunda, (30/11) / Foto de Itamar Aguiar/Palácio Piratini

 

 

  • Compartilhe