Publicidade

Manifestantes da Geração 68-DF farão protesto contra Bolsonaro neste sábado (30)

  • em



Pelo impeachment de Bolsonaro, o Movimento Geração 68-DF fará ato público, neste sábado (30), por volta das 10h, em frente ao Congresso Nacional. O grupo apresentará performance contra as falas e manifestações preconceituosas e dissimuladas do presidente da República ao longo do mandato, especialmente durante a pandemia.

 

Os manifestantes farão ainda protesto contra o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), que ignora cerca de 130 pedidos de impeachment contra Bolsonaro. Lira é um dos maiores expoentes do centrão no Congresso, grupo político que vem sendo bastante beneficiado por emendas parlamentares durante o governo Bolsonaro.

 

Segundo matéria publicada pela revista Carta Capital, Bolsonaro é o presidente que mais gasta com emendas ao Congresso e o que aprova menos projetos. De acordo com a publicação, feita em julho passado, em dois anos e sete meses de governo, Bolsonaro pagou R$ 41,1 bilhões em emendas para deputados e senadores. O valor é o mais alto entre os presidentes desde 2003.

 

No protesto de amanhã, a performance dos manifestantes terá dois personagens, Bozo e Lira. Este entra carregando aquele num carrinho. Seria uma paródia da política atual, onde os dois dançam, esbanjam dinheiro e tomam champanhe. Enquanto isso os manifestantes da Geração 68-DF, representando o povo, protestam.

 

“A encenação é uma criação coletiva do movimento. Mais uma vez, a Geração 68 marca presença nas ruas, reiterando sua trajetória de resistência a governos retrógrados e autoritários como o que estamos vivenciando”, explicam os manifestantes em material divulgado à imprensa.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *