Publicidade

Mais uma vítima da Covid-19, ator e humorista Paulo Gustavo morreu, nesta terça, de complicações da Covid-19

  • em


Paulo Gustavo faleceu, na noite desta terça-feira (4), aos 42 anos, por complicações da Covid-19. Criador de muitos personagens, ele se destacou pela vida que deu à “Dona Hermínia” — e de outros personagens inesquecíveis — estava internado desde 13 de março no Hospital Copa Star, em Copacabana, na Zona Sul. Ele deixa o marido, Thales Bretas, e dois filhos, Romeu e Gael, de 1 ano. A família ainda não divulgou informações sobre o sepultamento.

 

 

Segundo informações da Globo, a piora no quadro de saúde do ator aconteceu na noite de domingo (2). Paulo Gustavo vinha apresentando melhoras significativas, chegou a ter redução de sedativos e bloqueadores e interagir com médicos e também com o marido, Thales Bretas. À noite, no entanto, sofreu uma embolia pulmonar. Nesta terça, novo boletim disse que o ator estava com quadro irreversível, mas mantinha os sinais vitais. Às 21h12, no entanto, foi constatada a morte de Paulo Gustavo.

 

 

A morte do ator tornou-se comoção nacional. Fãs de todas as classes sociais, intelectuais, acadêmicos, políticos, empresários, toda a classe artística brasileira, partidos políticos, enfim o Brasil inteiro enlutado prestou homenagem ao artista. No feed da página oficial do ator no Twitter, um comunicado oficial, publicado às 22h33 desta terça-feira (4), confirmava a morte do humorista. “Ùltimo boletim médico: Às 21:12h desta terça-feira, 04/05, lamentavelmente o paciente Paulo Gustavo Monteiro faleceu, vítima da COVID-19 e suas complicações”.

 

A equipe médica também escreveu no boletim: “Em todos os momentos de sua internação, tanto o paciente quanto os seus familiares e amigos próximos tiveram condutas irretocáveis, transmitindo confiança na equipe médica e nos demais profissionais que participaram de seu tratamento.A equipe profissional que participou de seu tratamento está profundamente consternada e solidária ao sofrimento de todos”.

 

A comoção tomou conta das redes sociais. Internautas de todos os credos postaram sua despedida e muitos criticaram a situação e apontaram culpados pela morte do artista. Nas redes sociais, Lula, Doria, Ciro e Eduardo Leite, Lira, Maia, toda a classe artística, fãs, intelectuais, acadêmicos, empresários, jornalistas, o Brasil inteiro enlutado lamentou a morte do ator Paulo Gustavo.

 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva postou no seu Twitter: Recebi com muita tristeza a notícia da morte de Paulo Gustavo. A covid levou hoje mais um de nós. Um grande brasileiro, que brindou nosso país com tanta alegria. Descanse em paz. Seu talento jamais será esquecido.

 

Fernando Haddad (PT) postou: Paulo Gustavo, presente! Sempre!. O padre Fábio de Melo escreveu em suas redes: “Primeira vez que nos fez chorar”, lamentou. O ex-presidente Lula .

 

Governador de São Paulo, João Doria: “Brasil perde Paulo Gustavo. Um dos maiores nomes do showbiz do Brasil na última década. Paulo Gustavo deixa enorme legado ao teatro, tv e cinema do País. Meus sentimentos aos familiares e amigos”

 

Presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL) declarou nas redes que, “em nome da Câmara, manifesto a minha solidariedade e a de todos deputados aos familiares e amigos do ator Paulo Gustavo. Sua obra e seu talento conquistaram a alegria e a admiração de todos e sua partida, tão cedo, deixa enorme tristeza, vazio e dor no coração dos brasileiros.”

 

Caetano Veloso publicou no Twitter que “é significativo que a notícia de que o perdemos chegue no dia em que se abre a CPI da Covid no Senado Nacional. O povo brasileiro, que encheu os cinemas para rir com Paulo Gustavo, está de luto. E deve revoltar-se contra os responsáveis por nossa vulnerabilidade frente à pandemia que nos tirou essa pessoa amada por representar nossa vocação para o SIM.

 

PT Carioca: Hoje, uma das maiores personalidades da comédia perdeu a luta para o COVID-19. Junto com milhares de brasileiros, Paulo Gustavo veio a óbito esta noite. Toda a nossa solidariedade à família do comediante, sentimos muito.

 

PT Brasil fez um post em homenagem ao comediante e os governadores Rui Costa (PT-BA), e Eduardo Leite (PSDB-RS) também lamentaram nas redes sociais a morte de Paulo Gustavo.

 

A jornalista Hildegard Angel postou no Instagram uma foto do artista e escreveu: “Confirmada a morte do ator Paulo Gustavo por COVID. Um dos nossos maiores sucessos da atualidade, mairo bilheteria do teatro, maior bilheteria do cinema brasileiro, amado por todos que trabalharam com ele, os que o conheciam e o desconheciam. Carismático, um raro talento. Vai, Paulo Gustavo, ser majestade onde quer que esteja.”

 

Preta Gil: Te amo para sempre irmão!!! Tá doendo muito é inacreditável é devastador é injusto!!! Só penso que você cumprou sua missão aqui na Terra transformando a vida de mutia gente, foi um gênio do humor da generosidade da humanidade!!! Tranta coisa pra te falar, agora nos prometemos cuidar dos seus, estamos aqui seus amigos prontos para apoiar sua tão amada família @dealucia66 @thalesbretas @juamaral00, Júlio, Tia Penha meus amados Gael e Romeo todos os fãs. Você é eterno vai viver pra sempre em nós!

 

Astrid Fontenelle: Que dia…. varias tristezas. Mas nada se compara a perda q todos estamos vivendo. Paulo Gustavo era o amigo do Brasil. Ele que nos fazia gargalhar , hoje nos deixa chorando. É tempo de emanar AMOR pra q ele faça a viagem na PAZ.

 

Fábio Porchat: Hoje a vida perdeu um pouco da graça. O Brasil perde um pedaço precioso seu. Que triste é ter que viver num mundo sem Paulo Gustavo. Um pedaço de mim se vai. Te amo, Paulito. Um beijo do tamanho do mundo em toda a família da qual me sinto parte!

 

Zélia Duncan: Um vazio no peito, corpo trêmulo de tristeza. pelo estado de Paulo Gustavo. Estamos perdendo uma pessoa valiosa demais, estamos mesmo perdendo a graça…
Cara de choro

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *