Publicidade

Mais de 9,4 mil pessoas já morreram por Covid-19 no Rio Grande do Sul

  • em


Foram registradas neste domingo, 10 de janeiro, mais 26 mortes no Rio Grande do Sul, segundo balanço da Secretaria da Saúde. O número de casos confirmados atinge 480.479 pessoas em todos os 497 municípios, com 9.439 mortes. A taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) está em 77,7%, o que representa 2.051 pacientes internados no total de 2.641 leitos disponíveis.

 

Quatro municípios na Região Metropolitana flexibilizam atividades

 

Porto Alegre, Cachoeirinha, Gravataí e Glorinha assinaram um modelo de cogestão para o Modelo de Distanciamento Controlado do Governo do Estado, no sábado, 9 de janeiro.  Isso permite a flexibilização de atividades, com isso, restaurantes, bares e lanchonetes na rua ou nos shoppings não têm mais restrição de horário de funcionamento e estão permitidas a realização de eventos em ambientes fechados ou abertos de 70 até 2.500 pessoas.

 

Os municípios fazem parte da Região 10 do Modelo de Distanciamento Controlado do governo do Estado, e nesta semana estão classificados com bandeira vermelha, mas a partir deste acordo de Cogestão Regional poderão adotar medidas da bandeira laranja. Mas é preciso que o governo gaúcho avalie esta decisão.

 

Para a infectologista, Andréa Dalbó, ainda é cedo para flexibilizar qualquer medida de distanciamento. “No momento que o governo libera isso, passa a ideia para a população que está tudo bem. Se eu posso ir para um evento, se eu posso ir para um restaurante é porque tá tudo certo com Covid. E não está, nós estamos num momento extremamente crítico e de extremo cuidado. Que a gente deveria ter inclusive medidas mais restritivas. Porque nós vamos sofrer o impacto disso a partir do dia 15 de janeiro, que são exatamente duas semanas após o Réveillon. As pessoas vão retornar às suas atividades e vão retornar do Litoral. Então é o momento, ao contrário, não flexibilizar, mas restringir”.

 

Mesmo com número elevado de casos de Covid-19, em bandeira vermelha, cidades adotam regras em modelo de cogestão e flexibilizam regras nas atividades econômicas. Reunião foi realizada em Porto Alegre no sábado, 09 de janeiro na Prefeitura de Porto Alegre.

 

Foto de Mauro Raugust/PMPA

 

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *