Publicidade

Livro publicado pela Editora UnB conquista primeiro lugar na categoria Ciências Sociais Aplicadas na premiação da ABEU

  • em



A Associação Brasileira de Editoras Universitárias (ABEU) divulgou no último dia 26/11 os vencedores do 6º Prêmio ABEU 2020. O livro “O Homem no mundo dos ricos: um estudo sobre a disparidade racial de riqueza com os dados do Censo 2010”, do professor Emerson Ferreira Rocha, conquistou o primeiro lugar na categoria Ciências Sociais Aplicadas.

 

“Riqueza concentrada, divisão racial e controle das instituições são as dimensões concatenadas neste livro marcante para entender a sociedade brasileira”, segundo o professor José Alcides Figueiredo Santos, professor titular da UFJF. Para ele, o estudo do autor desta fenomenal obra, estabelece em alto nível a fundamentação teórica, a solução metodológica e o tratamento das evidências empíricas. “A elevada desigualdade racial de riqueza no Brasil, tanto de composição quanto de nível, mantém-se especialmente devido à discriminação incidente na conversão de educação em riqueza e a desvantagens não educacionais de origem”.

 

Em sua admirável análise do estudo que resultou na obra premiada, Santos ainda afirma que as mulheres estão em maior desvantagem na competição por um lugar no topo. Em sua opinião, a associação entre riqueza e poder é condicionada por raça. “Mostra-se mais fraca para os negros na esfera política, nas organizações da sociedade civil e no comando de mais capital. Fica o alerta revelador do livro: as desvantagens combinadas de riqueza e poder institucional reforçam no topo a hierarquia racial brasileira”.

 

A obra “O Homem no mundo dos ricos: um estudo sobre a disparidade racial de riqueza com os dados do Censo 2010”,  está disponível em acesso aberto em nosso site (www.editora.unb.br) e, impresso, para aquisição na loja virtual e na Livraria Editora UnB (Campus Darcy Ribeiro).

 

 

A premiação da ABEU ocorre todos anos com o objetivo de incentivar a qualificação das edições das casas editoriais universitárias e fomentar a produção técnico-científica, em relação tanto à excelência dos conhecimentos veiculados pelos títulos quanto à concepção estética das edições.

 

Na cerimônia de premiação, o vice-presidente da ABEU, Marcelo Di Renzo, destacou que o Prêmio ABEU “é o reconhecimento do ofício da produção universitária que permite levar à comunidade geral conhecimento científico e acadêmico, gerados nas nossas instituições de Ensino Superior. Também é um momento de congraçamento de todas as editoras universitárias para celebrar nossas vitórias, refletir sobre nossos desânimos e aprendizados ao longo da jornada.”

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *