Publicidade

Justiça condena Record por pressionar farmácia a reduzir o preço da cloroquina

  • em



O Tribunal de Justiça de São Paulo condenou a TV Record a pagar 30 mil reais de indenização a uma farmácia de manipulação alvo de uma reportagem do programa Cidade Alerta.

 

 

Procurada por uma consumidora que alegava aumento abusivo do preço da hidroxicloroquina, a equipe de reportagem do quadro de Celso Russomanno foi até o local. A gravação foi ao ar em abril.

 

 

Uma funcionária foi pressionada a apresenta a nota fiscal do produto adquirido e coagida a reduzir o valor do medicamento a consumidora, diante da ameaça de denúncia ao Procon.

 

 

“Em frente às câmaras, [a funcionária] não viu outra alternativa senão reduzir o valor do medicamento ao consumidor”, afirmou o desembargador relator do caso, José Carlos Ferreira Alves.

 

 

Na ação, a farmácia alega que a reportagem lhe causou a atribuição, em rede nacional, de “meter a mão no bolso” do consumidor.

 

 

O magistrado entendeu que a farmácia não agiu com qualquer irregularidade, não configurando o abuso apontado pela reportagem. O principal insumo do remédio, o sulfato de hidroxicloroquina teve comprovadamente um aumento de 421%.

 

 

“Não há dúvida de que a imagem da empresa autora foi indevidamente exposta e vinculada à suposta prática de abuso de preço ao consumidor”, entendeu o desembargador na decisão ao concluir que a reportagem extrapolou os limites legais.

 

 

A Record havia sido absolvida em primeira instância. O juiz havia concordado com a tese de defesa da emissora que afirmava não ter ocorrido abuso ou truculência por parte da equipe de reportagem. A emissora ainda pode recorrer desta segunda decisão.

 




 

 

SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

O Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB
Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *