Publicidade

Juiz que decretou lockdown em São Luís revela estar sendo ameaçado de morte

  • em


O juiz Douglas de Melo Martins, que deu decisão judicial determinando o lockdown na ilha de São Luís, vem sofrendo ameaças de morte, desde o dia 30 de abril, quando publicou aquela decisão. As ameaças são feitas através das redes sociais do magistrado, que já comunicou o fato ao Tribunal de Justiça do Estado e à Secretaria de Segurança Pública. O caso foi relatado pelo próprio juiz, em programa de rádio do qual participou hoje.

 

Martins criticou a intolerância daqueles que o estão ameaçando, mas afirma que não se sente intimidado com as ameaças. “Sinto-me seguro”, disse durante a entrevista. Para o magistrado, as críticas são normais e ele as encara com naturalidade, “Mas não têm o direito de dizer que vão me matar, vão me bater, vão me agredir”, asseverou.

 

O juiz é titular da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da capital e deu a decisão com antecipação de tutela, em ação movida pelo Ministério Público Estadual e acatada pelo Governo do Estado e pelos quatro Municípios que são citados na ação. A interrupção das atividades não essenciais inicia amanhã e se estende ao próximo dia 14.

  • Compartilhe