Publicidade

Governo Lula estuda valor adicional do Bolsa Família para famílias maiores

  • em



O ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, disse nesta quarta-feira (22) que o governo federal estuda pagar um valor extra para famílias com mais crianças e adolescentes no novo formato do Bolsa Família. O valor seria além do adicional de R$ 150, promessa de campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e sem alterar o valor básico de R$ 600.

 

“No valor per capita, volta a ter um valor de acréscimo, por criança de sete anos até completar 18 anos. Estamos acertando o valor, que será além dos R$ 150 por criança até seis anos”, afirmou o ministro ao jornal O Globo.

 

“A definição de valor per capita com estas particularidades é o que permitirá voltar a ter melhores indicadores sociais. Veja que já chegamos a mais de 90% de crianças e adolescentes matriculados e caiu para até a casa de 60%”, acrescentou Dias.

 

O ministro explicou que cada família receberá pelo menos R$ 600, como era no formato anterior. Mas para evitar disparidades, o ministério trabalha para que a diferença entre famílias mais numerosas e outras menores, com apenas uma criança, seja de quatro vezes no máximo.

 

“Foi verificado que famílias com mais pessoas recebendo os mesmos R$ 600,00 e, a tal ponto, de chegar a um per capita dez vezes ou mais de diferença. O que estamos fazendo é cuidando para a diferença ficar em máximo de quatro vezes”, afirmou.

Dias ainda disse que as famílias beneficiadas voltarão a ter de cumprir contrapartidas relacionadas à saúde, como calendário de vacinação em dia, acompanhamento do peso da criança e frequência escolar com aproveitamento, além da matrícula. O novo Bolsa Família prevê também acompanhamento a gestantes.

 

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *