Publicidade

EUA, Japão e Coreia do Sul terão exercícios de mísseis regulares contra ‘ameaças’ da Coreia do Norte

  • em



Tela de TV mostra imagem de arquivo de exército militar da Coreia do Norte durante programa de notícias, na Estação Ferroviária de Seul, na Coreia do Sul em 19 de outubro de 2022

 

Os três países aliados emitiram uma declaração que critica as ações de Pyongyang e ameaçaram uma “resposta forte e resoluta” se continuasse com as “ameaças”.

 

 

Os EUA, o Japão e a Coreia do Sul anunciaram na sexta-feira (14) que farão exercícios antimísseis e exercícios antissubmarinas frequentes para deter e responder às “ameaças” nucleares e de mísseis da Coreia do Norte.

 

A declaração foi dada durante a 13ª Reunião Trilateral de Defesa realizada em Washington, EUA, onde foi discutido o ambiente de segurança na Península Coreana e em toda a região, e também para consultar formas concretas de aprofundar a cooperação trilateral de segurança.

 

 

Os representantes dos três países “instaram a RPDC [República Popular Democrática da Coreia] a cessar imediatamente todas as atividades desestabilizadoras” e “reafirmaram que um teste nuclear da RPDC, se [for] conduzido, receberia uma resposta forte e resoluta da comunidade internacional”.

 

 

Na sexta-feira (14) Pyongyang declarou ter testado um novo míssil balístico intercontinental de combustível sólido para “promover radicalmente a eficácia de sua postura de contra-ataque nuclear”.

 

 

A própria Coreia do Norte vê as atividades militares dos EUA, da Coreia do Sul e do Japão como ameaças e possíveis preparativos para ataques.

 

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *