Publicidade

Em Porto Velho, manifestantes ocupam região central com o #3JForaBolsonaro

  • em



Movimentos sindicais, estudantis e populares estão nas ruas para pedir comida no prato, vacina no braço e o impeachment do presidente Jair Bolsonaro.

 

 

A abertura de inquérito para investigar o presidente por suposto crime de prevaricação no caso da compra da vacina Covaxin, impulsionou ainda mais os atos.

 

 

A reação das ruas é emblemática porque aqui no estado Bolsonaro obteve vitória com quase 70% dos votos.

 

 

É evidente que o movimento de indignação com o governo que fez de tudo para espalhar o vírus e agora é acusado de tentar lucrar cobrando propina na compra de vacinas.

 

No ranking dos estados que menos vacinaram na primeira e segunda doses, Rondônia que tem um governador Bolsonarista, é o segundo entre os cinco com piores resultados.

 

Com 9,12% de imunização completa da população, o estado só não está pior que o Amapá, que vacinou 8,18% da população.

 

Aqui são 6.170 óbitos e mais de 248 mil casos de Covid-19.

 

Texto e foto Luciana Oliveira para o Jornal Brasil Popular

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *