Publicidade

Diretor de Pedrinhas é a 2ª morte por COVID no sistema prisional do Maranhão

  • em


Vítima de covid-19, morreu hoje, 26, o diretor geral da Unidade Prisional de Ressocialização Auro Astério de Azevedo Pereira. A Unidade faz parte do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, onde já houve o óbito de um interno motivado pela mesma moléstia. Auro tinha 52 anos e, há 31, trabalhava no sistema prisional do Maranhão.

 

O secretário de Administração Penitenciária do Maranhão, Murilo Andrade, emitiu nota de pesar, em que destaca a “dedicação e empenho” do servidor. O vereador de São Luís, Cezar Bombeiro, que é agente penitenciário, lamentou a morte do colega e relembrou que ele foi por três vezes eleito o melhor gestor prisional do Estado.

  • Compartilhe