Publicidade

Deputada federal questiona a CGU sobre instabilidade no Portal da Transparência

  • em


“Bolsonaro quer esconder o quê?”, indaga Natália Bonavides (PT-RN). Ela apresentou requerimento solicitando informações sobre a instabilidade do site após divulgação de R$ 1,8 bi em gastos com comida  

 

A deputada federal Natália Bonavides (PT-RN) apresentou, na quarta-feira (27), na Câmara dos Deputados, um requerimento no qual solicita ao ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner de Campos Rosário, informações sobre a instabilidade no acesso ao Portal da Transparência, ocorrida nos dias 26 e 27 de janeiro.

 

No dia em que a imprensa divulgou os dados sobre os altos gastos do Poder Executivo em compras de gêneros alimentícios supérfluos, o Portal, que estava sendo utilizado pelos cidadãos e cidadãs para verificar possíveis irregularidade, ficou indisponível para consulta.

 

Para Natália, “a coincidência entre o momento da instabilidade no site e a descoberta de fatos suspeitos envolvendo alguns dos fornecedores do executivo não tem como não gerar desconfiança, afinal, o portal de prestação de contas, poderia elucidar indícios de irregularidade nas operações relativas aos altíssimos gastos feitos pelo Governo Federal”.

 

“Bolsonaro quer esconder o quê? Para assegurar a credibilidade do Portal da Transparência, é imprescindível que os questionamentos apresentados em nosso requerimento sejam devidamente respondidos”, afirmou a deputada.

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *