Publicidade

Covid-19 se espalha pelo interior do RS e Igrejinha decreta toque de recolher

  • em


Foto de Gustavo Kunst / Cidade de Igreinha, no Vale do Paranhana, decreta toque de recolher para evitar aglomerações

 

O município de Igrejinha, localizado no Vale do Paranhana no Rio Grande do Sul decreta toque de recolher a partir desta quarta, 13 como forma de combate à Covid-19. O município é classificado com bandeira amarela, com menor risco pelo modelo de distanciamento controlado do governo gaúcho. O decreto foi necessário devido à grande quantidade de pessoas que se aglomeravam em espaços públicos, durante a noite na cidade. O toque funcionará de domingo à quinta-feira, das 22h30min às 6h, e de sábado a domingo, das 23h30min às 6h.

 

O município não registra nenhum caso de coronavírus. Segundo o prefeito Thiago Wilhelm, a regra não se aplica a transporte de pacientes para unidades de saúde e aquisição de medicamentos nem a trabalhadores de atividades essenciais. A determinação valerá até 31 de maio.

 

O avanço da doença pelo interior do estado

 

Foram confirmadas seis novas mortes provocadas por coronavírus no Rio Grande do Sul entre segunda e terça-feiras.Segundo balanço da Secretaria Estadual da Saúde, já são 111 vítimas fatais, são 2.907 casos confirmados em 205 municípios. Duas dessas vítimas foram registradas em municípios muito pequenos que são próximos de outros, onde a doença vem se espalhando rapidamente.  Um deles é em Mato Castelhano com 2,5 mil habitantes que faz divisa com Passo Fundo, onde se registram o maior número de mortes e o segundo maior de casos no Estado. Outro município é Vila Maria com 4,2 mil moradores que fica ao lado de Marau, quinto município com maior número de casos no Rio Grande do Sul.

 

Nesta quarta-feira (13/5), a prefeitura de Porto Alegre confirmou a 20ª morte por Covid-19 na cidade. A paciente é uma jovem de 26 anos com histórico de obesidade. Este óbito ainda não consta no balanço da Secretaria Estadual da Saúde.

  • Compartilhe