Publicidade

Contramão de Bolsonaro: após lockdown, Araraquara registra queda de 62% nas mortes por Covid-19

  • em



O prefeito Edinho Silva (PT) adotou inúmeras medidas que fizeram o número de óbitos despencar de 129 em março para 49 em abril

O município de Araraquara, no interior de São Paulo, se consolida como referência no combate à pandemia do coronavírus.

 

Depois que o prefeito Edinho Silva (PT) tomou a iniciativa de decretar lockdown radical, entre fevereiro e março, as mortes provocadas pela Covid-19 despencaram 62% em abril, em relação ao mês anterior, de acordo com reportagem de Marcelo Toledo, na Folha de S.Paulo.

 

O panorama é o oposto do que ocorre no Brasil, em tempo de Jair Bolsonaro, que, nesta quinta-feira (29), ultrapassou a marca de 400 mil vítimas fatais da doença, 100 mil em um intervalo de 36 dias.

 

Em março, pior mês na cidade, que tem 238 mil habitantes, houve registro de 129 mortes. Em contrapartida, o número caiu para 49 em abril, segundo informações do comitê de contingência do coronavírus do município. Também regrediram os novos casos e o total de moradores de Araraquara internados.

 

Leia matéria na íntegra do site da Revista Fórum

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *