Publicidade

Com mais de 115 mil casos de Covid-19 nas últimas 24h, Brasil bate novo recorde de infecções em 1 dia

  • em



O Brasil registrou 115.228 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas. O número é o recorde de infecções diárias confirmadas desde o início da pandemia. Os dados são do boletim de atualização da pandemia do novo coronavírus do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e Ministério da Saúde.

 

O Conass também confirmou o registro 2.392 mortes nas últimas 24 horas. No total, são 18.169.881 casos e 507.109 mortes causadas pela covid-19 até o momento. Mais 16.463.635 de pessoas recuperadas e 1.179.137 em acompanhamento. A média móvel de casos registrados na última semana é de 77.328 casos. Os dados demonstram que o índice de letalidade da doença no País é de 2,8%: altíssimo.

 

O recorde anterior de casos diários ocorreu em 25 de março, quando foram registradas 100.158 pessoas infectadas com o vírus. Já os dados do consórcio de veículos de imprensa também indicam recorde de casos de Covid-19 registrados em 24 horas. Pela primeira vez desde o início da pandemia, foram mais de 100 mil em um dia: 114.139, de acordo com o consórcio. Também nas últimas 24 horas, foram registrados mais 2.343 novos óbitos desde as 20h de terça-feira (22) às 20h desta quarta-feira (23). Ao todo, o país já perdeu 507.240 vidas.

 

O recorde anterior, segundo os veículos, ocorreu em 18 de junho deste ano, com 98.135 infectados registrados em um só dia. Já totalizam 18.170.778 diagnósticos positivos confirmados desde março de 2020. Os dados não representam quando os óbitos e o diagnóstico de fato ocorreram, mas, sim, quando passaram a constar nas bases oficiais dos governos. A média móvel de mortes ficou em 1.915 hoje.

 

O índice indica tendência de estabilidade (9%) no país. São 154 dias que a média se encontra acima de 1.000. Durante a chamada primeira onda, o maior tempo que a média móvel ficou acima de mil foi 31 dias.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *