Publicidade

Carreata contra Bolsonaro e a favor da vacina mobilizou milhares em todo o País

  • em


Mais de mil carros saíram da concentração, na Torre de TV, em Brasília, para a carreata deste sábado (23)

 

Acabou há pouco a carreata pelo impeachment de Bolsonaro e pela vacinação já de toda a população, realizada na manhã deste sábado (23). O ato público mobilizou manifestantes de mais de 50 cidades em todo o País. Além dos carros, contou com participação de muita gente em bicicletas e motos. O ato foi organização por causa do agravamento da pandemia da Covid-19, da falta de uma política de combate ao novo coronavírus e de vacinação e por causa da política econômica de exclusão social, carestia e inflação, desemprego intenso e aumento da miséria.

 

Além do fim do governo Bolsonaro e em favor da vacinação imediata para toda a população, os manifestantes reivindicaram a volta da renda emergencial e outros direitos perdidos por causa da política econômica em curso. Em algumas cidades, como em Recife, a manifestação foi realizada na Av. Beira Mar, em Boa Viagem. Os organizadores disseram que a carreata chegou a 5 km de comprimento e terminou na praia do Pina, zona sul da cidade, local em que houve fixação de cruzes na areia pelas mais de 215 mil mortes de brasileiros por Covid-19 contabilizadas até este sábado.

Praia do Pina com as cruzes. Foto: CUT Brasil/Twitter

“Em todas as cidades, centenas de manifestantes foram às ruas em favor da saúde pública, vacinação para todos e todas é uma obrigação do governo federal”, disse a Central Única dos Trabalhadores (CUT) Brasil em seu Twitter. No Rio de Janeiro, os participantes falam em mais de mil carros só na concentração. A deputada federal Benedita da Silva (PT-RJ) foi uma das que discursaram no carro de som.

 

Em seu Twitter, ela postou a seguinte mensagem: “#ForaBolsonaro para que o genocídio acabe. Não podemos mais ter alguém que faça tudo contra o povo. O país está devastado por culpa deste genocida”.

 

Em São Paulo, mais de mil carros também só na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), local da concentração. Outros veículos chegaram já com a carreata em movimento. A deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL-SP) postou no Twitter que a carreata paulistana estava imensa.

 

Carreata em São Paulo (23/1/2021). Foto: Twitter/G. Boulos (PSOL)

 

Em São Paulo, a carreata foi gigante. Foto: Twitter/Guilherme Boulos (PSOL)

 

Faixa em frente ao Congresso Nacional, na Esplanada dos Ministérios, em Brasília

 

A deputada federal Gleisi Hoffmann (PT-PR) postou fotos da carreata, em Brasília, anunciando o início da mobilização. “Em todo o Brasil o grito é #ForaBolsonaro, pela vida e pela renda”, publicou em seu Instagram. De acordo com a CUT Brasília, o centro da capital do País reuniu mais de mil carros, além de motocicletas e bicicletas com faixas pedindo o fim do governo Bolsonaro. Na Esplanada dos Ministérios, em frente ao Congresso Nacional, manifestantes estenderam a faixa escrito “Impeachment Já”.

 

O deputado distrital Fábio Félix (PSOL) registrou no seu Instagram a foto da carreata entre a Torre de TV e a Rodoviária do Plano Piloto. “O barulho das buzinas está ensurdecedor! DF fazendo mais uma manifestação histórica pelo #ImpeachmentBolsonaroUrgente. O ato está gigante, com milhares de carros, motos e bikes gritando “Fora Bolsonaro!”.

 

Félix escreveu ainda uma crítica à falta de plano de vacinação de toda a população. “Chega de tanto descaso, da política de morte e de tanta incompetência. Precisamos de um plano de vacinação pra todo mundo do Brasil! É hora de vencer o obscurantismo nas ruas” #vacinajá #vacinaparatodos #ForaBolsonaro #Impeachmentjá”.

 

Um dos setores da população que tem se manifestado contra a política econômica do governo Jair Bolsonaro é o de mulheres. A Marcha Mundial das Mulheres também esteve na carreata, juntamente com o coletivo Mulheres do PT. A vereadora e viúva de Marielle Franco, Mônica Benício (PSOL-RJ), mostrou a carreata no Rio: “Pelas ruas do Rio e de todo o Brasil gritamos: Foram Bolsonaro! #VacinaJá #ForaBolsonaro”.

Mobilização de Salvador. Foto: Instagram do PT

 

Em Salvador, Bahia, a carreata contou com centenas de pessoas. Os baianos deram seu recado  com uma imensa faixa no Farol da Barra com a frase em vermelho: “Genocida #ForaBolsonaro Genocida”. Também instalaram dezenas de cruzes na frente do monumento.

 

Em todo o País, mais de 50 cidades realizaram o primeiro ato contra o governo Bolsonaro e em favor da vacina para toda a população já. Nos vidros dos carros, além de dizeres como “Fora Bolsonaro” e “Vacinação Já”, havia notas com “viva o SUS” e “vacina para todos”. A organização do movimento informa que o protesto será permanente e conta com apoio de mais todos os partidos políticos de esquerda e centro-esquerda, movimentos sociais e sindical, empresários insatisfeitos com o governo, Frente Brasil Popular e Povo sem Medo.

 

Niteroi na carreata fora Bolsonaro (23/1/2021. Foto: CUT Brasil/Twitter

 

Concentração da carreata foro Bolsonaro, Londrina, PR, na manhã deste sábado. Foto: CUT Brasil/Twitter

 

Carreata fora Bolsonaro, Varginha, MG, 23/1/2021. Foto: CUT Brasil/Twitter

 

 

Carreata em Recife, PE, neste sábado (23). Foto: CUT Brasil/Twitter

 

Teresina, PI, na carreata fora Bolsonaro (23/2/21). Foto: CUT Brasil/Twitter

 

 

Foto Instagram/PT

Com informações das mídias sociais das centrais sindicais

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *