Publicidade

Candidata à Presidência do Equador denuncia ameaças de morte e aceita proteção militar

  • em



Luisa González venceu o primeiro turno das eleições em agosto, marcadas pelo brutal assassinato de Fernando Villavivencio

 

 

A candidata da esquerda equatoriana, Luisa González, que venceu o primeiro turno da eleição presidencial no Equador e disputará o segundo turno em 15 de outubro, denunciou, nesta sexta-feira (1º/9), ter recebido ameaças de morte. Ela concordou em obter proteção militar em meio a uma campanha eleitoral ofuscada pelo assassinato brutal do candidato Fernando Villavivencio no mês passado.

 

“Hoje recebi ameaças contra minha vida porque sou a candidata com maior probabilidade de ganhar a presidência”, disse ela em uma declaração emitida pelo movimento Revolução Cidadã, que está ligado ao ex-presidente socialista Rafael Correa (2007-2017).

 

 

González ficou em primeiro lugar na eleição presidencial antecipada de 20 de agosto, com 34% dos votos válidos, e disputará o segundo turno com o direitista Daniel Noboa, segundo colocado com 23%, de acordo com os resultados oficiais.

 

O candidato centrista Fernando Villavicencio foi morto a tiros em 9 de agosto ao deixar um comício em Quito. O jornalista investigativo era um dos favoritos para a eleição, figurando entre a 3ª e 5ª posição nas pesquisas de intenção de voto.

 

 

De acordo com González, a promotoria está investigando uma pessoa que “alegou ter bombas para atentar contra sua vida”, portanto ele terá que reforçar sua segurança.

 

 

“Tenho que lhe dar uma notícia triste. Estou usando um colete à prova de balas”, disse ela, de acordo com a nota. Ela também aceitou a oferta do governo de fornecer proteção militar aos candidatos finalistas, acrescentou.

 

Forças Armadas do Equador entram em prisão e rendem suspeito de mandar matar o candidato presidencial Fernando Villavicencio

Detentos são rendidos durante operação das Forças Armadas e da Polícia do Equador em uma prisão em Guayaquil — Foto: Forças Armadas do Equador / AFP

 

Objetivo da ação é deter Adolfo Macías, o "Fito", líder da gangue mais poderosa do país e suspeito de ser mandante do assassinato de Fernando Villavicencio — Foto: Forças Armadas do Equador / AFP

 

Filho de um dos homens mais ricos do Equador, Noboa teve um resultado surpreendente nas eleições de 20 de agosto. Após o assassinato de Villavicencio, o direitista também disse ter recebido ameaças e apareceu com um colete à prova de balas no debate presidencial de 13 de agosto, o que, segundo analistas, o catapultou para as urnas.

 

 

O Equador está enfrentando uma onda de violência ligada ao tráfico de drogas, que controla as prisões. Dois carros-bomba explodiram em Quito entre quarta e quinta-feira, sem deixar vítimas, em ações que tinham como alvo o órgão de controle penitenciário.

 

 

O novo presidente completará o atual mandato de quatro anos (até maio de 2025) depois que o governante de direita Guillermo Lasso dissolveu o Congresso, de maioria oposicionista, em maio, como forma de sair de uma grave crise política que antecipou as eleições gerais.




SEJA UM AMIGO DO JORNAL BRASIL POPULAR

 

Jornal Brasil Popular apresenta fatos e acontecimentos da conjuntura brasileira a partir de uma visão baseada nos princípios éticos humanitários, defende as conquistas populares, a democracia, a justiça social, a soberania, o Estado nacional desenvolvido, proprietário de suas riquezas e distribuição de renda a sua população. Busca divulgar a notícia verdadeira, que fortalece a consciência nacional em torno de um projeto de nação independente e soberana.  Você pode nos ajudar aqui:

 

• Banco do Brasil
Agência: 2901-7
Conta corrente: 41129-9

• BRB

 

Agência: 105
Conta corrente: 105-031566-6 e pelo

• PIX: 23.147.573.0001-48
Associação do Jornal Brasil Popular – CNPJ 23147573.0001-48

 

E pode seguir, curtir e compartilhar nossas redes aqui:

📷 https://www.instagram.com/jornalbrasilpopular/

🎞️ https://youtube.com/channel/UCc1mRmPhp-4zKKHEZlgrzMg

📱 https://www.facebook.com/jbrasilpopular/

💻 https://www.brasilpopular.com/

📰🇧🇷BRASIL POPULAR, um jornal que abraça grandes causas! Do tamanho do Brasil e do nosso povo!

🔊 💻📱Ajude a propagar as notícias certas => JORNAL BRASIL POPULAR 📰🇧🇷

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com