Publicidade

Câmara de Guaraí aprova doação de terreno para construção de 300 moradias

  • em



Nesta quarta-feira, 30, foi aprovado pela Câmara de Guaraí o Projeto de Lei N° 008/2021, que autoriza a doação de um terreno público da Prefeitura de Guaraí para uma instituição social. A entidade visa construir 300 moradias populares no bairro Alto Bonito. A aprovação se deu após duas sessões extraordinárias (não remuneradas).

 

 

Após a sanção da lei, o terreno será repassado ao Instituto Verde Novo de Desenvolvimento Humano (IVNDH), com sede em Palmas (TO). Os vereadores apresentaram uma emenda aditiva ao texto, onde foi definido o prazo de até 6 meses para o início das obras. Caso contrário, o termo de doação será analisado novamente. As sessões foram transmitidas ao vivo pelo facebook da Câmara e contou com a manifestação dos moradores, que pediam o apoio dos vereadores através do chat.

 

 

Neuma Nunes, coordenadora geral do Movimento Casa Terra Trabalho e Liberdade (MCTTL) em Guaraí, relembra da trajetória até a aprovação.

 

 

“Antes da pandemia andamos pelos bairros de Guaraí, visitamos as casas, fizemos reuniões, apresentamos o projeto, fizemos cadastros e fomos avançando, sempre com o foco de ajudar as famílias menos favorecidas. Com a pandemia, as reuniões tiveram que parar, mas os membros da comissão continuaram em formação. Fomos atrás das famílias necessitadas dentro do projeto, levantamos o cadastro socioeconômico de 700 famílias dentre as 1200 cadastradas, levamos até a sede do Instituto Verde Novo em Palmas. Logo após, identificamos a área e procuramos a prefeita”, pontuou.

 

 

Questionada sobre a importância da aprovação do projeto, Neuma fala sobre o sentimento de realização. “Agora que a doação do lote se concretizou, fica a sensação de vitória para nós! Sensação de dever quase cumprido, ainda temos muita luta pela frente! Nossos agradecimentos aos vereadores e à Câmara. Nossa luta pelo loteamento, que agora conseguimos, continua tanto na parte da construção, quanto na seleção das famílias. Buscamos beneficiar quem realmente precisa! Somos uma irmandade! E é muito grandioso o sentimento de saber que em breve vamos poder realizar o sonho de muitas famílias”, finalizou.

 

 

Edição Fábio Coêlho

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *