Publicidade

Calixto Ramos, presidente da NCST e da CNTI, morre de Covid-19

  • em


Líder sindical morre aos 92 por complicações da doença provocada pelo novo coronavírus

 

O movimento sindical se despediu, nesta quinta-feira (4), uma das suas lideranças mais importantes no Brasil. José Calixto Ramos, presidente na Nova Central Sindical dos Trabalhadores (NCST) e da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria (CNTI), faleceu, na noite de quarta-feira (3), vítima da Covid-19.

 

“Perdemos uma liderança forte, que nos vinha possibilitando superar diferenças e unificar o movimento sindical contra o obscurantismo e em defesa da democracia”, disse a CUT em nota. Todas as centrais sindicais lamentaram a morte do dirigente.

 

“Com profundo pesar e um misto de dor e consternação, a diretoria da Nova Central Sindical de Trabalhadores – NCST foi informada da morte de seu líder maior, José Calixto Ramos. Hospitalizado em Recife em consequência da Covid-19, Calixto vinha se recuperando da doença quando, de maneira repentina, uma parada cardíaca o levou”, escreveu a NCST em seu site.

 

Ele, que dedicou a vida à luta em defesa da classe trabalhadora, faleceu aos 92 anos, depois de uma incansável e longa trajetória de lutas em defesa dos direitos da classe trabalhadora. Sua dedicação à construção da unidade do movimento sindical e sua destreza na abertura de caminhos nos três poderes farão muita falta, especialmente neste difícil momento pelo qual passa o Brasil.

 

O movimento sindical afirma que perdeu liderança forte, que possibilitava a superação das diferenças e a unificação do movimento sindical contra o obscurantismo e em defesa da democracia, destacadamente por uma reforma sindical alinhada às diretrizes estabelecidas pelas centrais sindicais.

 

O Jornal Brasil Popular também se une ao movimento e presta sua homenagem e solidariedade à família e destaca a incansável dedicação de Calixto à defesa dos direitos dos trabalhadores

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *