Publicidade

Brasil ultrapassa 436 mortes por Covid-19 e vê média móvel voltar a subir

  • em



Com os registro subnotificados, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) informa que o Brasil registrou 786 novos óbitos em decorrência da Covid-19 nas últimas 24 horas desta segunda-feira (17).

 

Registrou também mais 29.916 novas infecções. Com a atualização desses dados, o Brasil chegou a 436.537 mortes pela Covid-19. Já o número de infectados está em 15.667.391.

 

A média móvel de mortos está em 1.901; assim, é o 117º dia que o país registra média maior que 1.900 mil mortos por dia. Já a de casos confirmados aumentou de 63.241 para 63.914.

 

O ranking de estados com mais mortes pela Covid-19 é liderado por São Paulo (104.295), Rio de Janeiro (48.024) e Minas Gerais (37.557). As unidades da Federação com menos óbitos são Roraima (1.571), Acre (1.620) e Amapá (1.622).

 

O consórcio de veículos de imprensa indica que, após 15 dias de queda, o Brasil assiste a nova subida da média móvel de mortes por Covid-19.

 

Segundo o consórcio, o País registrou 971 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, totalizando neste domingo (16) 435.823 óbitos desde o início da pandemia.

 

Com isso, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias chegou a 1.915 –maior que a da véspera. Essa média voltou a subir depois de 15 dias caindo. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de -19%, indicando tendência de queda nos óbitos decorrentes do vírus.

 

 

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *