Publicidade

Brasil ultrapassa 414 mil óbitos por Covid-19: Conass registra 2.811, em 24h; e, imprensa, 2.791

  • em



Nos últimos 50 dias, foram registradas 132.245 mortes por Covid-19 no Brasil

 

Levantamento do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) dá conta de que o Brasil registrou 2.811 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas e totalizou, nesta quarta-feira (5), 414.399 óbitos acumulados desde o início da pandemia. Também contabilizou, nas últimas 24h, 73.292 novos casos confirmados, somando 14.930.183 pessoas que se contaminaram com o novo coronavírus desde o início da pandemia.

 

Enquanto as mortes por Covid-19 continuam aumentando velozmente, governos de vários estados e Distrito Federal iniciam nova reabertura do comércio em geral. O resultado disso, o mundo já sabe: avalanches de mortes diárias de trabalhadores pobres, em sua maioria. Os patrões continuam isolados em suas mansões, sítios ou fazendas, alguns até fora do Brasil, colocando gerentes e empregados subalternos “descartáveis” para mover seus negócios.

 

 

De vez em quando, alguns se vestem de verde e amarelo e fazem vídeos para insuflar grupos de negacionistas a irem às ruas contra a instituições democráticas. Esses, por sua vez, contratam mão de obra desempregada para se vestirem de verde e amarelo e irem se aglomerar  nas ruas com faixas de dizeres fascistas, tentando intimidar o povo para continuar no palácio. E é assim, sem lockdown, com política neoliberal de desemprego, de privatizações das empresas estatais e com a insistente política fracassada e terrorista de “imunidade de rebanho” que a exclusão social cresce tão rápida quanto a média móvel de mortes no Brasil por Covid-19, que se mantém acima de 2 mil sem ceder, aguardando a terceira onda da pandemia chegar.

 

 

Nos últimos 7 dias chegou a 2.316. Já são 105 dias seguidos no País com a média móvel de mortes acima da marca de mil e 50 dias com essa média acima dos 2 mil mortos por dia segundo o Conass. O balanço do consórcio de veículos de imprensa feito a partir dos dados das Secretarias de Estado de Saúde informa que nas últimas 24 horas, 2.791 pessoas morreram de Covid-19 totalizando 414.645 óbitos desde o início da pandemia.

 

Pelos cálculos do consórcio, a média móvel de mortes nos últimos 7 dias chegou a 2.329. Assim, é o 50º dia seguido em que a média fica acima de 2 mil. Ainda segundo o consórcio, nos últimos 50 dias, foram registradas 132.245 mortes por Covid-19 no País.

  • Compartilhe

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *