A Polícia Federal prendeu, na tarde desta sexta-feira (3), o blogueiro bolsonarista Wellingon Macedo, um dos alvos do inquérito aberto a pedido de Lindôra Araújo para investigar a organização de atos violentos no 7 de Setembro.

 

Alexandre de Moraes acolheu pedido da Procuradoria Geral da República (PGR) e determinou a prisão. Macedo divulgou vídeos convocando apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (ex-PSL) para um ato em 7 de Setembro para pedir a deposição de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e se apresentar como coordenador das manifestações.

 

Em um dos vídeos, o blogueiro contou com a participação do cantor Sérgio Reis.
De acordo com a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP), o caminhoneiro Zé Trovão também foi preso. Ele também fez convocações para as manifestações.
Os protestos do dia 7 de Setembro foram inflamados pelo presidente Jair Bolsonaro, que faz uma série de ataques ao STF e acusa o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de fraudar as eleições. Agora, milhares de apoiadores do presidente marcham para Brasília para pedir a queda das instituições e o golpe militar, caso o STF mantenha suas posições.