Publicidade

A Lava Jato e o STJ, com 10 suicídios, transformaram em pesadelo o sonho de trabalhar na Petrobrás!

  • em


O sonho do Jovem brasileiro era trabalhar na Petrobrás (5). Hoje, com certeza que esse sonho, na cabeça dos jovens, não existe mais. E, mesmo que quisessem, não poderiam, pois não existe concurso público em nenhuma estatal nem no serviço público (9).

 

 

Com a intenção de desmoralizar a Petrobrás para facilitar sua entrega aos gringos e destruir as empresas brasileiras para entrada das multinacionais, o Brasil começou a ser desmontado.

 

Assim em março de 2014 entra em cena a Lava Jato, que investiga a Petrobrás, e a operação Greenfield, que investiga os fundos de pensão das estatais, levaram a farsa do combate à corrupção para os fundos de pensão das estatais e, por conta dessa farsa, os petroleiros ativos e aposentados estão pagando, no mínimo com 13% de seus salários, e por 18 anos, pelo pagamento de um suposto rombo, mesmo sem nunca termos sido gestores da Petros (21).

 

Na justiça, até conseguimos 310 liminares que garantiam, a dezena de milhares de petroleiros, a suspensão desses pagamentos. Entretanto, o presidente do STJ, João Otávio de Noronha, em decisão monocrática, suspendeu todas as liminares e impediu futuras decisões favoráveis aos petroleiros.

 

E a Petrobrás se apoiando da decisão do STJ de suspensão das liminares, para as quais não houve julgamento do mérito, ainda quer tornar definitivos e vitalícios os descontos (13).

 

Esses descontos têm levado vários petroleiros ao afastamento do trabalho para tratamento psíquico e dez funcionários da Petrobrás se suicidaram (16 a 18).

 

Os antigos funcionários, seguidores da Campanha “O petróleo é Nosso!”, que tinham orgulho de serem petroleiros, hoje se envergonham e se escondem.

 

Interessante que o mundo reconhece a supremacia da Petrobrás, tanto que, em 2010, a Petrobrás fez a maior capitalização do planeta em todos os tempos (10).

 

Em 2015 a Petrobrás e os petroleiros ganharam, pela 3ª vez, o prêmio OTC, considerado o Oscar da indústria do petróleo (11). O prêmio foi por desenvolvimento de tecnologia inédita no mundo que permitiu a descoberta do pré-sal.

 

A Lava Jato conspirou contra a imagem da Petrobrás, vazando diariamente e criminosamente delação premiada sem provas, diretamente para a Globo, por pelo menos três anos veiculadas pelo Jornal Nacional.

 

Dentre as notícias manipuladas, a compra de Pasadena, a construção das refinarias no Nordeste e o escândalo da Sete Brasil, entre outras.

 

A Globo também apoiou a tentativa frustrada de FHC de privatizar a Petrobrás, e, naquela época, a Globo comparava a Petrobrás a um paquiderme e chamava os petroleiros de marajás.

 

E, mesmo com a descoberta do pré-sal em 2006 e a Petrobrás sendo premiada nos EUA, em 2015, o Globo, no mesmo ano de 2015, disse em editorial: “O pré-sal pode ser patrimônio inútil” (12).

 

A operação Lava Jato, que investiga a Petrobrás, e a Greenfield, que investiga os fundos de pensão das estatais, dizendo combater a corrupção, destruíram a indústria naval brasileira, e agora navios e plataformas passaram a ser construídos fora do Brasil, gerando vultosos investimentos, arrecadação gigante de impostos, emprego e renda a trabalhadores estrangeiros (20).

 

A operação Greenfield deu o pontapé inicial no desmonte da indústria naval quando intimou 29 pessoas ligadas aos fundos de pensão Petros, Funcef, Previ e Valia por gestão temerária (2).

 

Na verdade, esses 29 deveriam ganhar um prêmio por vislumbrar um dos negócios mais lucrativos no mundo, que foi aportar na empresa Sete Brasil dinheiro dos fundos de pensão das estatais para a construção de sondas de perfuração para o pré-sal. Será que existe negócio mais lucrativo no mundo do que a Sete Brasil, considerando que o pré-sal é a maior descoberta petrolífera do mundo contemporâneo e já responde por mais da metade da produção nacional de petróleo? (1).

 

Entretanto, mesmo a gestão temerária não se confirmando, as operações Greenfield e a Lava Jato deram aval para que a indústria naval brasileira fosse entregue aos gringos.

 

A lava Jato chamou de escândalo a compra da refinaria de Pasadena nos EUA, no governo Dilma, mesmo a refinaria dando lucro (7,8). Entretanto, a Lava Jato, com seu engodo de combate à corrupção, alegando superfaturamento, cancelou a construção das duas refinarias do Maranhão e Ceará (4).

 

Essas refinarias no Nordeste nos dariam a autossuficiência no refino e um excedente para exportação, gerando caixa para União e empregos para a região. Estranhamente, no mesmo período, 2019: “Brasil gastou R$ 25 bi com importação de gasolina e diesel dos EUA nos últimos 12 meses” (14).

 

E Bolsonaro já anunciou a venda de metade das refinarias (15). Os entreguistas querem dar mais emprego e dinheiro aos americanos, importando mais e mais!

 

Com relação à prisão doméstica de Queiroz e sua esposa Márcia que escandalizou o país:

 

A decisão do ministro Noronha sobre Queiroz e Márcia deve ser revista em agosto pelo ministro Fisher ou pela Quinta Turma, dizem colegas da Corte. Nunca antes na história deste país se deu prêmio para foragida da Justiça (19).

 

Creio que o STJ deveria também rever a suspensão das 310 liminares do ministro Noronha, que já levou 10 Petroleiros ao suicídio (16)!

 

Fonte: 1 – https://www.diariodocentrodomundo.com.br/video-pre-sal-ja-responde-por-mais-da-metade-da-producao-da-petrobras/

2 – https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/economia/2020/01/720204-greenfield-denuncia-29-ex-executivos-de-fundos-e-pede-reparacao-de-r-16-bilhoes.html

4 – https://www.camara.leg.br/noticias/453909-petrobras-cancelou-refinarias-porque-denuncias-da-lava-jato-dificultaram-credito/

5 – https://www.gazetadopovo.com.br/economia/pos-e-carreira/petrobras-e-a-empresa-dos-sonhos-dos-jovens-brasileiros-b85lraszlkl85eohnxjf606ku/

6 – https://www.terra.com.br/economia/petrobras-arrecada-r-120-bi-na-maior-capitalizacao-da-historia,ca8ba8f241d2b310VgnCLD200000bbcceb0aRCRD.html

7 – http://portalclubedeengenharia.org.br/2019/02/08/a-petrobras-nao-teve-o-prejuizo-com-pasadena-estimado-pelo-tcu-mas-lucro-em-relacao-a-avaliacao-de-2006/

8 – https://exame.com/negocios/pasadena-foi-a-unica-a-obter-lucro-no-grupo-petrobras/#:~:text=Rio%20%E2%80%93%20Piv%C3%B4%20de%20investiga%C3%A7%C3%B5es%20no,ano%20dentro%20do%20grupo%20Petrobras.

9 – https://revistaforum.com.br/politica/paulo-guedes-suspende-concursos-publicos-e-diz-que-ha-servidores-demais/

10 – http://valoresreais.com/2010/09/24/petrobras-a-maior-capitalizacao-da-historia-do-capitalismo/

11 – https://petrobras.com.br/fatos-e-dados/recebemos-o-premio-offshore-technology-conference-2015.htm

12 – https://oglobo.globo.com/opiniao/o-pre-sal-pode-ser-patrimonio-inutil-18331727

13 – http://www.sindipetrolp.org.br/noticias/26953/stj-suspende-liminar-que-impede-desconto-extra-para-equacionamento-do-deficit-da-petros

14 – https://www.cartamaior.com.br/?/Editoria/Soberania-Nacional/Brasil-gastou-R$-25-bi-com-importacao-de-gasolina-e-diesel-dos-EUA-nos-ultimos-12-meses/46/44902

15 – https://horadopovo.com.br/bolsonaro-libera-privatizacao-de-8-refinarias-da-petrobras/

16 – https://www.diariodocentrodomundo.com.br/assedio-dor-e-suicidio-o-inferno-dos-petroleiros-que-dedicaram-a-vida-a-petrobras-por-pedro-zambarda/

17 – https://sindipetrosp.org.br/a-petrobras-esta-se-suicidando-alerta-diretor-do-sindicato/

18 – http://www.sindipetroba.org.br/2019/artigo-os-suicidios-da-petrobras/

19 – https://veja.abril.com.br/blog/matheus-leitao/nunca-antes-na-historia-deste-pais-se-deu-premio-para-foragida-da-justica/

20 – https://www.ocafezinho.com/2017/04/03/lava-jato-destruiu-industria-naval-brasileira/

21 – https://www.nexojornal.com.br/explicado/2018/03/16/Lava-Jato-a-origem-e-o-destino-da-maior-opera%C3%A7%C3%A3o-anticorrup%C3%A7%C3%A3o-do-pa%C3%ADs

 

Veja o vídeo desta matéria em https://www.youtube.com/watch?v=yzoyVMOGDG4

 

Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e ex-diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP, ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese.

 

 

 

 

  • Compartilhe